Rose Sales deve deixar o PP; destino da vereadora pode ser o PV

Por Jefferson Calvet
Blog Bacabeira em Foco
A vereadora de São
Luis, Rose Sales, vive um momento conturbado na vida política partidária, depois
que deixou seu partido de origem, PCdoB, para ingressar do partido progressista
– PP, do deputado Waldir Maranhão.
Sales se filiou ao
PP em junho deste ano, e antes de completar dois meses na legenda, após
recentes episódios com o presidente do diretório estadual, parlamentar decidiu
abandonar partido e procurar uma nova legenda para ingressar.
A princípio Rose
Sales iria para o PP na condição de ser candidata a prefeita de São Luis com a
anuência do partido. Passado algum período já filiada, o PP já havia cogitado
entregar a comissão provisória municipal ao médico e ex-prefeito de Santa Rita,
Hilton Gonçalo, que também aparece nas pesquisas a prefeito de São Luis.
A gota d’água mesmo
foi a recente reunião do Waldir Maranhão com a pré-candidata a prefeita de São
Luis, Eliziane Gama (PPS), junto com o deputado federal Zé Reinaldo Tavares
(PSB), onde, inclusive, teria declarado apoio à candidatura da deputada.
Caso Rose se deligue mesmo do PP,
seu destino deve ser o PV, partido do deputado estadual Adriano Sarney. Segundo
informações de fontes, Sales já teria feito algumas sondagens e teria recebido
carta branca para filiar-se.
Durante uma entrevista na TV, Rose Sales disse o seguinte: “Eu fui
surpreendida na sexta-feira (14) com uma foto do presidente do partido Waldir
Maranhão com a deputada Eliziane e o deputado Zé Reinaldo, onde Waldir declara
apoio a Eliziane […] Eu vejo essa questão como um grande livramento. Já
pensou se fosse depois de 2 de outubro? (data limite para filiação para
candidaturas em 2016) Então tudo acontece no tempo certo nas nossas vidas”.

Informações e vídeos podem ser enviados ao Blog Bacabeira em Foco através
do e-mail:
bacabeiraemfoco@hotmail.com ou pelo WhatSapp (98) 9965-0206