Lisca é o novo técnico do Sampaio Corrêa

SÃO
LUÍS – A terça-feira (22) foi de extrema movimentação nos bastidores do Sampaio
Corrêa. Logo pela manhã, o técnico Flávio Araújo surpreendeu ao anunciar sua demissão após mais uma passagem de sucesso e em
meio a uma boa campanha no Campeonato Brasileiro Série B. Já no fim da tarde, o treinador e o presidente Sérgio Frota deram uma entrevista coletiva,
onde foi informado que o novo técnico só seria anunciado nesta quarta-feira
(23). Durante a noite, porém, a diretoria do Bolivão se antecipou ao próprio
prazo estabelecido e já comunicou, através de uma rede social, que Lisca será o
treinador no restante da Segundona.
Luis Carlos Cirne Lima de Lorenzi, o Lisca, nasceu em
Porto Alegre (RS), tem 41 anos e iniciou sua carreira de treinador na década de
90, nas categorias de base do Internacional, onde o seu avô foi goleiro. Depois
de uma rápida passagem pelos juvenis do São Paulo, o técnico retornou ao
Colorado e foi responsável por revelar grandes nomes do futebol brasileiro,
como Nilmar, Alexandre Pato, Daniel Carvalho, Fábio Rochemback e Rafael Sobis,
além de ter conquistado 19 títulos em sete anos. O trabalho de Lisca com jovens
atletas, porém, foi deixado de lado em 2007, quando o treinador acertou com o
Brasil de Pelotas.
Após passagem pelo Xavante, como o Brasil de Pelotas é
conhecido, Lisca acabou se transferindo para o time B do Juventude, mas o
treinador só começou a construir seu nome no futebol profissional no Porto
Alegre, onde conquistou a Segundona Gaúcha e o acesso para a elite em 2009.
Depois disso, o técnico teve passagens por Caxias, Luverdense e Novo Hamburgo,
mas acabou sendo reconhecido pela passagem no Juventude, onde conquistou uma
Copa FGF em 2012 e foi vice-campeão brasileiro da Série D.
O bom desempenho de Lisca
no Juventude chamou a atenção do Náutico, que tinha acabado de ser rebaixado
para a Série B e buscava um novo treinador para uma temporada de reconstrução.
Apesar dos esforços, o técnico não conseguiu fazer com que a equipe deslanchasse:
sob seu comando, o Timbu perdeu o título pernambucano para o Sport, acabou
sendo eliminado na primeira fase da Copa do Nordeste e fracassou na segunda
fase da Copa do Brasil, após derrota para o América de Natal.
(Imirante.com)
Informações e vídeos ao Blog Bacabeira em Foco podem
ser enviados por email:
bacabeiraemfoco@hotmail.com ou pelo Whatsapp (98) 9965-0206