Criança de três anos é morta a tiros dentro de casa em São Luís

Do
G1MA
– Uma criança de três anos foi morta a tiros no início
da tarde deste sábado (18), dentro de sua residência localizada na Rua do
Peixe, no bairro da Alemanha, em São
Luís.
Segundo informações do major
Bayma, comandante do 9º Batalhão, dois suspeitos reconhecidos apenas como
Jonilson e “Boneco” teriam sido responsáveis pelos disparos que mataram a
menina. Ele diz que eles estavam à procura do pai da criança, conhecido na comunidade
como “Vitinho”, para acertar contas referentes ao tráfico de drogas na região.
“Nós apuramos que dois elementos
identificados como Jonilson e Boneco estavam em uma motocicleta e teriam ido
até o local do crime para matar o Vitinho, que é traficante na região. A
motivação principal é briga de facções criminosas por disputa do tráfico de
entorpecentes na localidade”, relatou o major.
Ainda conforme o militar, os dois
suspeitos teriam invadido a casa da vítima a tiros com o objetivo de executar o
pai dela, que amedrontado com o som dos tiros correu para um dos cômodos da
residência, deixando a sua filha ser atingida pelos os criminosos.
“Eles entraram na casa já atirando
e logo que o Vitinho escutou os disparos ele correu, e não viu que a sua filha
estava próxima dos dois elementos. Eles atiraram e ela acabou sendo atingida
por um dos projéteis”. 
Após o crime, Jonilson e “Boneco”
fugiram do local sem deixar pistas. A criança ainda chegou a ser socorrida, mas
não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu no Hospital da Criança, na
capital.
Bebê
degolado
Uma menina de apenas oito meses
também perdeu a sua vida na madrugada deste sábado (18), na Vila Kiola, em São Luís, após o seu pai reconhecido como
Gilmar Pereira Lopes ter degolado a sua garganta com uma faca.
Conforme detalhes do major Bayma,
comandante do 9º Batalhão, a mãe do bebê estaria realizando tarefas domésticas
quando ouviu o choro alto da criança, que na ocasião do crime estava sendo
cuidada por Gilmar. Preocupada, ela teria ido averiguar a situação quando foi
surpreendida com a sua filha ensanguentada e já morta.
“Nós ficamos sabendo que a mãe
estava ocupada realizando afazeres dentro de casa, e o pai, estaria responsável
pela menina quando ela escutou um choro muito alto. Ela foi ver o que tinha
acontecido quando constatou que a criança tinha sido morta pelo o pai por meio
de uma arma branca”.
Ainda segundo o major, o suspeito
sofre de problemas mentais e isso teria sido a motivação principal do crime.
“Nós apuramos que ele sofre de transtornos mentais e nós acreditamos que essa
situação tenha sido a causadora desta tragédia familiar”, finalizou.
Gilmar Pereira Lopes foi preso e
encaminhado para a Delegacia Especial da Cidade Operária (Decop), em São Luís.

Informações e vídeos podem ser enviados ao Blog
Bacabeira em Foco
 através do e-mail:
bacabeiraemfoco@hotmail.com ou pelo WhatSapp (98) 9965-0206