Com Dilma, Flávio Dino defende estabilidade política para superar crise econômica no Brasil

Por Jefferson Calvet
Blog Bacabeira em Foco
Na
reunião de governadores do Brasil com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio
da Alvorada, o governador do Maranhão falou representando os gestores estaduais
da região Amazônica. Defendendo a pauta pela governabilidade e a proteção das
finanças dos Estados frente às dificuldades econômicas nacionais, Dino elencou
uma série de medidas tomadas entre Estados e União para estimular a volta do
crescimento.
A
convite da presidente Dilma e do vice Michel Temer, os governadores debateram o
contexto nacional na política e na economia. Com papel de destaque junto aos 27
representantes de Estados, Flávio Dino falou ao final da coletiva sobre pontos
discutidos durante as quatro horas de reunião com a presidenta e ministros.
“Afirmamos
a firmeza do apoio à estabilidade política e a defesa das regatas
constitucionais das eleições no Brasil. Portanto, a manutenção do mandato da
presidenta Dilma. A reunião é positiva para o Brasil porque reúne gestores de
diferentes cores partidárias, mas que se propõem a uma agenda para que o país
avance na segurança das instituições nacionais e, por conseguinte, na superação
do momento econômico conturbado”, afirmou Flávio Dino, durante coletiva de
imprensa.
O
governador do Maranhão disse ainda que foi ampliado o diálogo entre os entes
federativos para a retomada do crescimento econômico do país. Temas como o
retorno de investimentos federais, promoção de ajuste fiscal com a preservação
das operações de crédito para os estados e a utilização dos depósitos judiciais
para melhoria das contas públicas foram levantados pelos governadores no
diálogo com a presidência.
“Achamos
isso fundamental para ativação do ciclo econômico e manutenção do nível de
emprego, com prioridade às operações de crédito já contratadas, mas também para
novas operações de crédito. Defendemos que sim, haja uma reforma do ICMS, porém
com fundos garantidores que tenham outras fontes que não sejam apenas o imposto
sobre o repatriamento, nós defendemos a tributação sobre repatriamento, porém
consideramos a necessidade de que haja outras fontes de compensação”, disse o
governador.  
Dilma
afirmou aos governadores que o Governo Federal prepara uma carteira de projetos
com sugestões dos gestores estaduais, que apresentaram as demandas em parceria
com a União. No mês de março, o Maranhão apresentou à presidenta as principais
demandas: Escola Digna, Mais IDH e estruturação da logística de rodovias e
Porto.
“Dia
especial na democracia com todos os governadores, de apoio ou oposição ao
governo. Juntos, buscamos construir pauta positiva pro Brasil, para enfrentar
dificuldades e garantir estabilidade política e econômica no Brasil”, disse o
ministro da Casa Civil, Aloísio Mercadante, ao final da reunião ao afirmar que
a relação será de cada vez mais diálogo e cooperação entre os estados e a União.
Dilma
garantiu agilidade para avançar nas operações de crédito com a garantia de que
os Estados se comprometam em trabalhar pelo superavit primário, com aumento de
arrecadação.

Informações e vídeos podem ser enviados ao Blog
Bacabeira em Foco
 através do e-mail:
bacabeiraemfoco@hotmail.com ou pelo WhatSapp (98) 9965-0206