Coligação pede que Justiça obrigue Econométrica a mostrar banco de dados

A
Coligação Todos pelo Maranhão entrou com um pedido para que a Justiça verifique
a possibilidade de o Diretor do Instituto Econométrica, Sérgio Oscar Zubicueta
Goic, ter cometido crime, por conduta prevista na Lei 9504/97. O § 2º do Artigo
33 diz que não cumprir ou realizar atos que retardem, impeçam ou dificultem a
ação fiscalizadora dos partidos constitui crime. A punição é feita com detenção
de seis meses a um ano, com a alternativa de prestação de serviços à comunidade
pelo mesmo prazo, além de multa no valor de dez mil a vinte mil reais.
Entenda
o caso:
O
Instituto Econométrica descumpriu decisão do Juiz Federal Ricardo Felipe
Rodrigues Macieira, da Comissão de Juízes Auxiliares. No dia 08 de julho, o
Instituto Econométrica deveria disponibilizar, no prazo de dois dias, os
questionários aplicados na pesquisa realizada por eles e publicada no Jornal O
Imparcial no dia 26 de junho de 2014, preservada a identidade dos
entrevistados. A Justiça também determinou que a coligação dos partidos de
oposição tivesse acesso à sede da empresa, para conferir os questionários e o
banco de dados.
A
Econométrica, além de não ter enviado os dados solicitados, não atendeu a
equipe jurídica da Coligação Todos pelo Maranhão. Na manhã da última
quarta-feira (29), os advogados da coligação estiveram na sede do Instituto
Econométrica, localizado no bairro do São Francisco, para visitar a empresa.
Sérgio Oscar Zubicueta Goic, o diretor da instituição, não estava na sede não
estava no loca, que estava fechado, entre 09h e 10h da manhã, e sem nenhum
funcionário administrativo para prestar qualquer informação. Na sede da
Econométrica, somente um pedreiro estava trabalhando, que informou que a esposa
de Sérgio estava no local, mas que não poderia falar com a equipe, e que ele
voltaria em uma hora. A equipe esperou o tempo determinado, mas ninguém
apareceu. Foi tentado também contato telefônico com Sérgio por parte dos
advogados, mas sem sucesso.

Informações e vídeos
ao Blog Bacabeira em Foco podem ser enviados por email:
bacabeiraemfoco@hotmail.com ou pelo Whatsapp (98) 9965-0206